Está dormindo pouco e acha que está tudo bem? #sqn... É hora de rever sua rotina.


Você, assim como a maioria das pessoas que habitam esse planeta, acredita que cada um tem uma necessidade diferente em relação ao número de horas de sono por noite, certo? Errado!


A matemática, quando o assunto é descanso, está longe de ser flexível, de acordo com o organismo e a resistência de cada pessoa. Pelo contrário.


Estudos dos principais centros de pesquisa sobre a medicina do sono do mundo – entre elas, a Academia Americana de Medicina do Sono – têm um consenso sobre o assunto: um adulto necessita dormir de sete a nove horas; e ponto final.


Sem margem para discussões e abordagens com defesas que apontem qualquer coisa fora desse número. Essa é a regra mais básica e preciosa para manter a saúde, a cabeça no eixo e, acredite, a qualidade das relações pessoais.


Sim, você entendeu bem, se privar de dormir pode ter um preço alto em diversos setores da vida, que vão muito além do cansaço físico, e o Portal Saúde Holística lista a seguir que prejuízos são esses, na prática. Confira abaixo.


Corpo

São inúmeros os déficits da falta de sono para o organismo, mas alguns deles chamam a atenção por suas consequências desastrosas como, por exemplo, o aumento do risco do diabetes e da hipertensão. A luta contra a balança também ganha com um bom sono. Dormir mal desregula dois hormônios importantíssimos do metabolismo: a leptina, que reduz a vontade de comer e estimula o gasto de energia, diminui; e a grelina, que estimula o apetite, aumenta. Já pensou no estrago?

Mente

Para dizer o mínimo, o sono suficiente melhora a concentração, a clareza de raciocínio e a memória. E, a partir dessa base, outros benefícios vêm na bagagem, entre eles a redução dos riscos de doenças mentais, como o mal de Alzheimer, por exemplo. “O sono permite conexões com o que há de mais profundo em nós. Ao dormir, aspectos da nossa identidade como a carreira profissional, a esperança, os medos e as relações são trabalhados. Isso deixa o espírito revigorado no dia seguinte”, explica a psiquiatra Laura Helena de Andrade, do Instituto de Psiquiatria do HC, da Faculdade de Medicina da USP.


Convívio social

Anote aí uma coisa inusitada: sabe aquela sua colega de trabalho ou amiga esquentadinha? Acredite, ela pode não ser essa pessoa tão descontrolada quanto parece, ela pode apenas estar dormindo pouco. Estudos recentes comprovam que discussões desnecessárias, ofensas, e impulsos que trazem arrependimento, têm ligação direta com a falta de sono ou com a má qualidade do descanso. Isto é, dormir menos que o suficiente reduz a tolerância a vivências desagradáveis, aumentando a irritabilidade e comportamentos impulsivos. Conclusão: sem autocontrole, há propensão a brigas e discussões.


⠀⠀⠀⠀⠀

#portalsaudeholisticabrasil #equilibrioemocional #dormirpouco #queroserfeliz #reiki #tpm #gratidao #sono #terapia # meditação #profissaoterapeuta #comoserterapeuta #queroserterapeuta #hobbye #barrasdeaccess #terapiaholistica #estresse #ansiedade



133 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

NOSSO TELEFONE

NOSSO EMAIL

NOSSAS REDES SOCIAIS

  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • YouTube - círculo cinza

INSCREVA-SE AQUI

Clique aqui, inscreva-se e receba todas as nossas novidades por email.

LINKS ÚTEIS

Home
Guia de Serviços
Blog
Termos de Uso

© 2021 Michelle Parreira